1. Central de Atualidades
  2. Reportagens
  3. A imigração alemã
 
As festas de outubro

Um aspecto marcante que vem à mente quando se pensa nos descendentes de alemães no Brasil são as festas, que ocorrem sempre no mês de outubro. O maior exemplo é a Oktoberfest, que acontece em Blumenau, Santa Catarina. Trata-se de uma autêntica festa alemã fora da Europa (comemorada, aliás, em uma cidade que parece européia). Na verdade, segundo os organizadores do evento, é a segunda maior festa alemã do mundo, perdendo apenas para a de Munique, Alemanha

E a origem das festas de outubro está, é claro, nesse país. Foi o rei da região da Baviera que determinou que fosse realizada uma grande comemoração para o casamento de sua filha, em 1810. Ele não imaginava que estaria criando a maior festa do chope — ou fassbier (cerveja de barril) — de todo o mundo.

Fonte: Divulgação
Desfile da Oktoberfest em Blumenau.

Mais do que atrações turísticas e importantes eventos para a economia das cidades que as realizam, as festas de outubro representam o resgate de tradições culturais históricas dos ancestrais germânicos. A amizade, as atividades esportivas e até o simples hábito de beber com os amigos no final de tarde estão na origem delas.

Em Blumenau, a Oktoberfest dura duas semanas e meia, tem mais de 400 horas de música e recebe milhares de pessoas. Os números, porém, revelam apenas uma parte da dimensão da festa. Durante esses dias, a cidade se torna a vitrine da cultura e dos valores alemães, preservados desde 1850, quando os colonizadores começaram a chegar à região.

As festas acontecem sempre regadas a muito chope, música de bandinhas e culinária típica da região (como o eisbein, o kassler e o marreco assado).

Bolão

Esporte e tradição se fundem quando o assunto é bolão, uma espécie de boliche que nasceu na Europa, ainda durante a Idade Média, e foi trazido para o Brasil pelos imigrantes. Hoje, os bolonistas se agrupam em torno da cancha nos clubes de bolão para contar histórias, disputar pequenos torneios e, principalmente, beber cerveja entre amigos. O esporte reúne milhares de jogadores anualmente em Rio do Sul, onde acontece a Kegelfest, que também atrai quem aprecia a culinária típica, a dança e a música alemãs.


anterior |
   
A imigração alemã
História de promessas não cumpridas
Chegando a São Leopoldo
Os alemães em São Paulo
As festas de outubro
Mapa dos movimentos migratórios para o Brasil
Conheça também a história da imigração japonesa