Chocolate... o mal necessário

Sempre que alguém diz chocolate, sentimos, imediatamente, uma sensação de conforto e alegria. Realmente, não se pode negar que essa palavra é mística, irresistível, sensual e romântica. Além de ter textura aveludada, uma coloração escura profunda e elegante, sabor adocicado e aroma tentador, o chocolate é um grande sedutor.

Você já comeu chocolate porque estava com fome? A maioria o consome por prazer. Quantas mulheres durante a TPM não tiveram como seu melhor amigo uma barra de chocolate? Vários estudos mostram a influência do chocolate no humor. Além de dar prazer, o chocolate pode prevenir danos à saúde, como o câncer e as doenças coronárias, fortalece o sistema imunológico e provoca um sentimento de bem-estar. A sensação prazerosa que sentimos quando nos deliciamos com um pedaço de chocolate tem uma explicação científica: ele eleva o nível da serotonina, substância que promove a sensação de bem-estar e calma no organismo, bem como o da feniletilamina, que é associada à "química do amor" e responsável pelas demonstrações de ânimo e euforia (típicas de um indivíduo apaixonado).

Na composição do chocolate, podemos encontrar a teobromina, similar à cafeína, que garante energia positiva e favorece a atividade mental.

Qual é a diferença entre os chocolates?

Os ingredientes usados na fabricação do chocolate são a pasta de cacau, a manteiga de cacau, o açúcar e o leite. Pode-se acrescentar ainda frutas secas, nozes, amêndoas, flocos de milho, recheios, etc. O chocolate preto possui pasta de cacau (responsável pela cor castanha) e açúcar; o chocolate ao leite, além desses ingredientes, contém o leite. Já o chocolate branco possui apenas manteiga de cacau, leite e açúcar, além de conter mais colesterol que o chocolate preto: 100 g de chocolate branco contém 22 mg de colesterol. Conforme recomendações nutricionais, devemos manter a ingestão diária de colesterol abaixo de 300 mg.

Veja, abaixo, um quadro comparativo da quantidade média de gordura e de calorias de alguns tipos de chocolate a cada 100 g.

Tipo de Chocolate
Gordura
Calorias
Chocolate amargo
32 g
550 kcal
Chocolate ao leite
29 g
568 kcal
Chocolate branco
30 g
562 kcal
Chocolate dietético
34 g
400 kcal
Chocolate em pó
8 g
349 kcal


E o chocolate dietético? É muito importante prestar atenção nos rótulos das embalagens, pois ele possui mais gordura que o chocolate comum e, algumas vezes, pode ser mais calórico, pois é recomendado para quem faz dietas com restrição de açúcar, como os diabéticos.

Outro mito é que o chocolate "dá espinhas". Conforme a literatura médica, são os hormônios e não os alimentos que causam a acne. Portanto, jovens: o chocolate está liberado!!!

O consumo de chocolate tem benefícios e inconvenientes. Veja na tabela abaixo um resumo.

BENEFÍCIOS
INCONVENIENTES
É fonte saborosa de energia rápida.É calórico e rico em gorduras.
Pode ser consumido em qualquer lugar.Contêm gordura saturada que aumenta o colesterol do sangue.
Comer chocolate melhora o humor de algumas pessoas.Não apresenta quantidade significativa de vitaminas e minerais.
Pode fazer parte de uma dieta saudável, desde que consumido com moderação (no máximo 30 g por dia).Tira o apetite para o consumo de alimentos mais saudáveis.
O consumo excessivo pode causar distúrbios gástricos e intestinais, como diarreia ou prisão de ventre, conforme a sensibilidade de cada pessoa.


O consumo de chocolate é saudável, mas devemos ingeri-lo moderadamente para que não seja necessário aboli-lo da nossa alimentação. Outras informações quanto às calorias dos diversos tipos e marcas de chocolate podem ser encontradas em http://www.vivatranquilo.com.br

Até a próxima!

   

 


Gisele Pontaroli Raymundo


ver currículo >>
Últimos Artigos

Anabolizantes: consequências maiores que as imaginadas!

As necessidades nutricionais variam de acordo com o hábitat?

Semente de linhaça: uma companheira de todos os dias

 Cardápio

Monte cardápios de lanches saudáveis para as crianças.
 Buffet Virtual

Prepare seu prato e receba uma avaliação
 IMC
Descubra seu peso ideal!


 Outros Artigos